segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Autoestima em Narciso




"...as pessoas que têm autoestima elevada são muitas vezes humildes, ao passo que os narcisistas raramente o são.” Psychology Today

Acho feliz esta clarificação, visto muitos de nós confundirmos a arrogância com autoestima. Julgo que na base desse equívoco está uma certa crença que a humildade está ligada à insegurança e é por isso uma fraqueza a evitar por nos deixar vulneráveis aos abusos dos outros. O que nos leva a  associarmos a arrogância à determinação, mas ela na verdade é muitas das vezes a expressão do domínio sobre o outro, por alguém que precisa de reparar o amor-próprio ferido.
Estas noções sobre autoestima, vulnerabilidade e outras dimensões, são mais facilmente compreendidas se recorrermos ao funcionamento das personalidades narcísicas.
Sobre elas, é habitual considerar-se que têm autoestima elevada devido às manifestações de altivez que exibem. Mas “narcisismo não é a mesma coisa que autoestima”.
O que se ajusta com a patologia narcísica, é a necessidade que o mundo e os outros revelem ao indivíduo o quanto é especial e tem valor, a que alterna com sentimentos de extrema vulnerabilidade (narcísica) a pequenas desatenções ou a reparos, que frequentemente interpreta como rejeição ou ataques pessoais que o podem levar à depressão e ao desespero.
Num nível ou no outro, quer a arrogância, quer a vulnerabilidade, devem-se nestas personagens, a um ego grandioso que tenta excluir a incalculável imperfeição de todos nós.

Para saber mais: psychology today

2 comentários:

Rosa Leonor disse...

Excelente...
rl

cristina simões disse...

Olá Rosa Leonor.
É um assunto rico e se não o compliquei, ainda bem.
Obrigada pelo comentário.